terça-feira, 19 de janeiro de 2016

A Editora Mythos não desiste e lança Juiz Dredd em novo formato


Por:Hds



A editora Mythos é uma das que mais complicadas de se aturar dentro do mercado nacional de quadrinhos.Embora entender o porquê dela permanecer publicando até hoje com sua estratégia tacanha e irreal seja fácil de explicar.Afinal de contas,para saber porque ela ainda não afundou é preciso somente conhecer três letras:T.E.X!

Em agosto do ano passado a editora divulgou uma nota lamentando o cancelamento da Juiz Dredd Magazine.E na mesma época afirmou que não largaria a mão do justiceiro de Mega City.Para o azar de quem realmente gosta do personagem!

Juiz Dredd Guerra Total-formato 20,5x27,5cm,72 páginas e preço de R$10,90.roteiros de John Wagner e desenhos de Henry Flint.

A encadernação reúne o arco que já havia sido publicado da edição 1 até a 4.Só que desta vez com QUATRO páginas a mais e custando o mesmo preço!Obrigado Mythos!Eu nem mereço tanto!Eu tenho certeza que não existe dificuldade nenhuma para um leitor,independente do grau de conhecimento,de perceber que seria evidentemente benéfico aos admiradores das séries da 2000AD se a Mythos perdesse os direitos sobre elas.Outra editora que não considerasse quadrinhos um artigo de luxo poderiam trazê-las com preços baratos e formatos comuns.

Então o que temos são republicações de uma revista que falhou em se manter nas bancas e um potencial desperdiçado de materiais da 2000AD sem ver a luz do dia em bancas brasileiras.O selo inglês conta com uma longa lista de artistas de peso e sequências de histórias que por si só já enxeriam encadernados de qualidade.Mas a Mythos não pode(ou não quer)publicá-las!Essa é outra questão que não consegui esclarecer;a editora tem ou não os direitos de tudo que saiu pela 2000AD?Se tem por que não publica?

Vejam o que aconteceu com o universo Wildstorn na mão da Panini.A Devir se arrastou como uma lesma para lançar poucos encadernados de Astro City e depois que a sua sua rival de banca adquiriu os direitos acelerou todo o processo.Em um ano a Devir lançou apenas dois volumes da série,enquanto a Panini lançou de março até dezembro do ano passado CINCO volumes!

Juiz Dredd sendo entregue pela Mythos nas bancas é um desastre para os leitores do herói(já perceberam como revistas inglesas ou europeias em geral nunca se estabelecem no Brasil?) .Do mesmo jeito que a Magazine não deu certo esses edições sairão com um custo/benefício ruim.E depois a editora esticará por anos e anos reedições deploráveis como fez com Hellboy.











Nenhum comentário:

Postar um comentário