domingo, 24 de julho de 2016

Panini traz Dr. Slamp, Sakamoto Desu Ga e Yo-Kai Watch 


Por: Hds

Durante o último Anime Friends, a editora Panini divulgou três novos títulos pelo selo Planet Manga.


O primeiro mangá é Dr. Slump, o primeiro quadrinho a fazer sucesso de Akira Toriyama. Ele conta a história da uma menina chamada Arale e seus demais amigos e moradores da Vila Pinguim, incluindo Sembe Norimaki, o "Dr" de Doutor Slump. A série tem 18 volumes e, por enquanto, não trouxeram mais informações sobre papel, preço e periodicidade. 

A revista não é o primeiro trabalho do autor, mas foi ela que o projetou para a fama e também é conhecida por ser bastante engraçada e sem-noção, algo que anda em falta hoje em dia. Precisamos de mais títulos leves e livres de patrulhamento "bem-comportadinho". O mangá tem roteiros e desenhos de Toriyama e será uma ótima pedida para o público infantil, para o público adolescente e para o público adulto também, pois, se você está crescidinho e gosta de dar risadas, não precisa fingir que não gostaria de ler algo assim só pra posar de "adulto sério". 

Obs: Se alguém acha que eu deixaria passar que este título foi posto em bancas em meados de junho de 2002 (putz! faz tempo, heim?) pela saudosa/deplorável editora Conrad, e depois cancelada no número catorze: está enganado. "Ah! mas você pega no pé demais, Hds! a Conrad lançou até o número 14 de uma série de 18 volumes". É mesmo? Só que existe um pequeno detalhe: Dr. Slump, pela Conrad, foi trazida ao Brasil em meio-tanko, ou seja, metade de um volume japonês! Isso significa que para ser concluído, o mangá deveria ter  36 volumes e 3 anos de publicação!

Vou esperar por mais notas da editora que confirmem preço e qualidade de Dr. Slump para poder soltar um #chupaconrad! com mais satisfação.


O segundo mangá é Sakamoto Desu Ga que conta a história de Sakamoto, o rapaz mais inteligente de sua classe. Ele é perspicaz, tem um raciocínio aguçado e é admirado por todos. Depois de Light Yagami, de Death Note, se tornou comum ver tipos superinteligentes, melhores alunos do Japão, e capazes de resolver problemas complexos. Não quero dizer que este mangá seja de nicho, quero apenas ressaltar que, talvez esse tenha se tornado uma espécie de estilo. O quadrinho é de Nami Sato e terá 4 volumes.


O terceiro mangá é Yo-Kai Watch. Tem desenhos e roteiros de Noriyuki Konishi e está previsto para agosto.

Keita Amano é um garoto que encontra uma maquina de bolinhas colecionáveis (gashapons, no Japão) e resolve jogar. Um Yo-kai chamado Wisper aparece e lhe dá um relógio que o permite enxergar e aprisionar criaturas invisíveis que provocam problemas aos demais humanos.

Yo-kai Watch é um mangá baseado num jogo de 3DS de sucesso e não fica difícil imaginar em que estilo ele se encaixa. Vai na mesma linha de Pokemon e seus inúmeros derivados. Uma boa ideia da Panini ampliar seus títulos voltados para o público infantil, já que o mercado anda super-lotado de shonens para adolescentes e adultos. 



Nenhum comentário:

Postar um comentário